Shakugan no Shana

Shakugan no Shana - comprar online
R$14,00
2x de R$7,00 sem juros
Ver detalhes das parcelas
Digite aqui o seu CEP para calcular o frete:

  Shakugan no Shana
 

Episódios:   24 + Extras Returns
Estilo:   Serie de TV
Gênero:   Aç]ao/Comedia/Drama/Fantasia/Romance
Tema:   Lolicon
Resolução:  720x480
Áudio:   Japonês
Legendas:  Português
Quantidade:   2 Discos
Opcional:  (1 Box c/ encartes)

Shakugan no Shana é, de fato, um dos animes mais interessantes que apareceram em 2005. O que mais se destaca na produção é o desenvolvimento do enredo, sempre apresentando boas novidades e situações inesperadas. Certamente é um anime que deve resolver o problema daqueles que estão sempre reclamando da vida, afirmando que "os animes de hoje são todos iguais. Como era boa a época do...".

O enredo começa quando o estudante Sakai Yuji percebe, durante uma caminhada, que há algo de errado no ambiente. O tempo congela, tudo à sua volta ganha o tom de vermelho, e algumas pessoas são envolvidas por uma chama azul, sendo mais tarde engolidas por um demônio em forma infantil. Quando, então, o próprio Yuji está prestes a ser devorado, surge uma garota de olhos e cabelos vermelhos, carregando uma katana. Esta parece lutar contra os tais espíritos. Apesar de seu esforço, o estudante é ferido gravemente, e seu braço esquerdo e parte do seu tórax são quase separados de seu corpo.
Parece nojento, hein? Mas na verdade não é, pois nessa cena não temos a presença de nem um pingo de sangue. Isso aconteceu porque Sakai Yuji, na realidade, não era humano. Há não muito tempo atras, o garoto já havia sido transformado em chama e devorado por demônios. Entretanto, para que seu desaparecimento do mundo não ocorresse de forma repentina, um pequeno resquíscio dessa chama inicial foi, naturalmente, mantida, para que o resto de sua existência (incluindo as memórias que as outras pessoas tinham dele) fosse desaparecendo aos poucos. Isso é algo que acontece com todos os que são mortos por estes seres. Para evitar que os demônios devoradores acabem com a vida humana do planeta, surgiram guerreiros conhecidos como Flame Hazes, e a garota que Yuji viu lutando fazia parte desse grupo. Durante o anime, Shana (o nome que a garota recebe depois) e Sakai (que se mantém vivo por ser uma espécie de chama especial) tornam-se companheiros na luta contra os demônios que estavam ativos naquela cidade.
Além de contar com um enredo interessante, Shakugan no Shana apresenta personagens muito bons. Shana e Sakai formam uma dupla bastante divertida, sendo o desenvolvimento da relação entre os dois um dos pilares do anime. Outra personagem de grande destaque é Margery Daw, uma Flame Haze que aparece um pouco depois. Ela é desbocada, alcoólatra e seu Rei de Guze, Marchosias, adora um humor sacana, completando a cena. Rei de Guze? Sim, todos os Flames Hazes são acompanhados por demônios, e é deles que conseguem os poderes. No caso de Shana, seu parceiro se chama Alastor, um demônio das chamas em forma de pingente. Já os seres das trevas comuns, que devoram as pessoas, são conhecidos como Tomogaras de Guze.
O único problema da série é que o roteiro é bastante resumido, com aqueles episódios finais meio forçados, coisa bastante comum no mundo da animação japonesa. Isso acontece porque a estória original do anime vem da light novel de Yashichirou Takahashi e, claro, os 26 episódios da versão animada não foram suficientes para recontar a estória de forma totalmente fiel. Entretanto, isso não é desculpa. Creio que o roteiro poderia ter sido melhor trabalhado, pois existem vários exemplos de animes que, mesmo resumindo enredos já existentes, conseguiram obter excelentes resultados.
Com relação ao trabalho técnico, a série foi muito bem servida. A animação está ótima, o traço, além de original, ficou muito bom, assim como o uso de cores e de efeitos especiais. O som também não faz feio, apresentando dublagem marcante para todos os protagonistas e músicas satisfatórias, sendo o tema de abertura a melhor delas.

Para concluir, creio que posso recomendar Shakugan no Shana para todo tipo de público. É um daqueles animes que tem tudo para agradar a qualquer espectador. Embora apresente alguns problemas no roteiro, é uma ótima série que, com certeza, merece uma chance.