Great Teacher Onizuka

Great Teacher Onizuka - comprar online
R$28,00
3x de R$9,33 sem juros
Ver detalhes das parcelas
Digite aqui o seu CEP para calcular o frete:

  Great Teacher Onizuka
 

Episódios:   43
Estilo:   Serie de TV
Gênero:   Ação/Comedia/Drama/Lances da Vida
Tema:   Escolar
Resolução:  720x480
Áudio:   Japonês
Legendas:  Português
Quantidade:   4 Discos
Opcional:  (2 Boxs c/ encartes)

Todos os fãs de anime provavelmente já sabem o quanto é duro o sistema escolar japonês, se comparado ao do Brasil. A partir do correspondente do Japão ao nosso antigo ginásio (5a a 8a series), é na escola que os adolescentes japoneses concentram a maior parte de suas atividades diárias. Eis alguns dados: a duração das aulas no Japão é de três semestres (não dois, como no Brasil); o mesmo começa em Abril e só termina em Março do outro ano, totalizando mais ou menos 240 dias letivos, com um período escolar que geralmente vai das 8:00h às 16:00h, incluindo em sua maioria os sábados, recheados das mais diversas atividades (desde as aulas propriamente ditas à participação nos famosos clubes de atividades).
Até os 20 anos (quando se atinge a maioridade no Japão), os japoneses estão sob os cuidados do professor responsável e da polícia (caso cismem de matar aula ^_^), os pais vêm geralmente em terceiro lugar, e são raras às vezes em que costumam discutir a decisão dos professores responsáveis. Aí se observa a parte mais polêmica do ensino japonês (e sem sombra de dúvida, a mais detestada pelos estudantes): o conservadorismo em excesso. Nada de uniformes amarrotados, saias curtas (só nos animes é que elas existem), gravatas frouxas e muito menos maquiagem e cabelo tingido. Mesmo fora da escola, os professores continuam no pé dos alunos. Enquanto não fizer 20 anos, os alunos (em teoria) estão proibidos de beber bebidas alcoólicas e fumar, badaladas estão fora de cogitação. Lugar de aluno no Japão é na escola e ponto final. Mas será que os alunos estão contentes com isso tudo???
Muitos animes, e principalmente mangás, fazem muito sucesso por quebrarem por completo, na cara dura mesmo, os tabus da vida escolar japonesa. São conhecidos mais popularmente por "School Mangás".
Great Teacher Onizuka, mais popularmente conhecido como GTO, mangá desenhado por Tohru Fugisawa (a partir de 1997 para a revista KC Magazine) e que posteriormente virou a serie de anime de 43 episódios (em 1999), é o exemplo ideal disso.
A história se baseia na vida de Onizuka Eikichi, um "garotão" "virgem" (!!!) de 22 anos, que em seus tempos de colégio era um líder durão de uma pesada gangue de motociclistas (rebeldes sem causa). Depois que se forma, Onizuka decide dar um jeito em sua vida desregrada e tenta seguir a carreira de professor (!!!), que é seu maior sonho. Na verdade, seu principal objetivo é estar no meio de várias garotas jovens de uniforme.
Após fazer um teste em uma popular escola, a diretora da mesma, interessada nos métodos pouco ortodoxos de ensino de Onizuka, decide entregar a ele a responsabilidade de lecionar para sua classe mais problemática, cheia de delinqüentes, arruaceiros e desacreditados. O professor durão aceita o emprego e decide pôr seus novos alunos na linha, aproveitando para tentar conquistar Azusa Fuyutsuki, uma professora da mesma escola.
O interessante da história, são as passagens na qual Onizuka sai totalmente da linha quando fica irritado... em alguns casos ele espanca (!!!) os alunos mais revoltados, e em outros banca o professor bonzinho (chega até a impedir que um garoto de sua classe se suicide). Seu comportamento nada convencional, geralmente detestado pelos demais professores, acaba por criar toda uma polêmica na escola. Mas o mais interessante da série é que Onizuka encara seriamente o seu trabalho: seu objetivo não é ensinar duramente seus alunos sem nenhuma relação com os mesmos, e sim ser um grande amigo deles, compreendendo-os e mostrando aos mais revoltados que os professores são seres humanos como qualquer um.
É justamente nesse ponto que GTO se destaca em relação aos demais "school mangás": a reação irada de professores "jurássicos" e de um sistema conservador ao extremo, frente a um garotão desencanado, que "coça bem no lugar aonde está coçando".
Devido à sua popularidade, GTO também gerou uma série "live action" (com atores reais) que foi ao ar no Japão em 1998, se tornando um grande sucesso. Mais recentemente, em 2000, GTO ganhou um movie para o cinema (através da famosa Toei Company).

Finalizando, Great Teacher Onizuka é um dos melhores animes (e mangás) de todos os tempos, extremamente recomendado. Quem tiver a oportunidade, não pode deixar de assistir!