Final Fantasy: Spirit Whitin

Final Fantasy: Spirit Whitin - comprar online
R$8,00
Ver detalhes das parcelas
Digite aqui o seu CEP para calcular o frete:

  Final Fantasy: Spirit Whitin
 

Episódios:   1 + Extras
Estilo:   Movie
Gênero:   Aventura/Ficção/Sobrenatural
Tema:   Militar
Resolução:  720x480
Áudio:   Português/Japonês
Legendas:  Português
Quantidade:   1 Disco
Opcional:  (1 Box c/ encartes)

Final Fantasy: The Spirits Within é uma produção cinematográfica, um longa metragem feito para os cinemas. Feito totalmente em computação gráfica de alta qualidade, e com realismo nunca veste antes, foi dirigido por Hironobu Sakaguchi, criador de Final Fantasy. O prejuízo que o filme deu a Square entrou na lista dos maiores do cinema, e conseqüentemente fez a divisão Square Pictures fechar.

FF:TSW nos coloca num cenário de 2065 onde os alienígenas invadiram a Terra. Os humanos sobreviventes vivem em “cidades barreiras” por todo o mundo, e almejam livrar o planeta dos Fantasmas, a raça alienígena. A única esperança do planeta está nas mãos da cientista Aki Ross e seu mentor, o Dr. Cid, que tem um plano para destruir os Fantasmas sem danificar o planeta, mas o general chamado Hein determinou usar o canhão espacial Zeus para destruir os Fantasmas, mesmo se isso destruir a Terra também. Mesmo que o filme tenha o nome Final Fantasy, poucas referencias a série foram usadas, nada de chocobos, gunblades, personagens marcantes, vilões maquiavélicos, moogles, ou airships. Talvez o dr, Cid seja uma das poucas referencias a série.
O filme foi alvo de muitas criticas, e apesar do público não ter sido dos piores, o filme deu um prejuízo enorme para a Square. A comunidade japonesa estava acostumada demais com histórias como essa, e o filme não passou mais do que um filme normal de anime estrelado no cinema. Os fãs da série ficaram decepcionados com o filme e pelas poucas referencias da série, e é talvez uma das maiores mancadas da Square de todos os tempos.
O uso de animação em CGI foi criticado por pessoas como Jerry Beck e produtor Steve Oedekerk que argumentaram que simular atores reais é muito caro e que CGI deveria ser usado apenas como efeito especial. Mas Chris Lee, produtor de Final Fantasy TSW contra-atacou dizendo que atores de verdande não podem fazer tudo que um personagem de computador pode fazer facilmente, citando sua experiência ao fazer Starship Troopers e Godzilla.